crônicas e contos

{ Memórias...

13:52

- Havia, naquele momento, mais de seis bilhões de pessoas no mundo. Mas era de uma única que ela sentia falta. Sentia falta do sorriso que encontrava por acaso no meio do caminho. Sentia falta do abraço protetor, do abraço carinhoso... Do abraço dançante que a embalava naquele colo. Ela sentia falta do brilho do olhar e das palavras sussurradas ao pé do ouvido. Sentia falta do conjunto, do riso, das canções, da parte que já não tinha. Ele. Ele. Dele (!). Já não sabia mais se a saudade era a palavra certa. Não sabia mais onde encontrar seu porto seguro. Saudade incômoda e dolorosamente aconchegante. Talvez, numa tentativa de salvar-se de sua própria sina, usasse esse sentimento como cura. Como cura de suas febres e aflições. Talvez fosse a única forma de transportar-se para o momento onde sentia que poderia ser ela mesma novamente. Talvez fosse a única forma que tinha de transformar-se naquilo que havia sido. Sentia que saudade não era aquele tormento que diziam. Era sua única saída para a vida que sonhava. Era o tempero de seus sonhos. Pensava assim e sorria. Sentia falta do par de olhos ao ver o pôr-do-sol e da mistura de braços daquele abraço que sempre era seguido do mais doce riso. Sentia falta da sua metade, do seu complemento. Sentia falta do amor. Sentia falta de amar.



---
Recebi mais três selinhos, e os coloquei na parte fixa do post, (e repasso o Selo: Valor, Coragem e Talento e Sobreviventes do Romantismo, para quem quiser (: ) assim como a divulgação do livro do Átila no post abaixo. Beijinhos em cada bochecha!

7 comentários

  1. taaa
    todo na naict qerem te pegar
    asuiehasuiehasui
    ps; vc qe mando escrever isso :D


    beeeijos
    amooo ;*

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. - Simplesmentee ameei, ameei.

    Em crise coor-de-rosa!!

    Tee amoo, demais bonequinha!

    ResponderExcluir
  4. Estar aqui presente
    Com estas palavras
    Luzentes brilhantes…
    É como flutuar
    Em águas calmas
    E no fundo ver diamantes

    Um bom fim-de-semana
    Inundado de paz…

    O eterno abraço…

    ResponderExcluir
  5. Minha amiga é melhor em mto montagem que eu. Eu só estou aprendendo o basico...

    E para com isso que o dom de saber utilizaras palavras tão bem é seu e não meu!
    haushuashuahsuahsuahs
    Isso é perfeito *-*
    Escreve tão bem!

    Vc toca violino? Minha amiga também toca e diz que é difícil! É?
    Eu toco piano e simplesmente A-M-O!

    bjinhos!

    ResponderExcluir
  6. Lindo Fraan!!
    Vc é mesmo A escritora!!
    amo vc!!
    minha purpurina em pessoa!!

    x3

    ResponderExcluir

Puxe a cadeira e sirva-se de um chá.